IPF-MT apresenta dados da Pesquisa Mensal do Comércio de dezembro

Data: 11/02/2021 IPF-MT apresenta dados da Pesquisa Mensal do Comércio de dezembro

O Instituto de Pesquisa e Análise da Fecomércio-MT se manifestou sobre os dados apresentados da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) de dezembro, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (10). Apesar da queda de 6,1% em relação a novembro, houve alta de 1,2% no acumulado do ano de 2020, mesmo em meio à pandemia da Covid-19.

No varejo ampliado (que engloba também as atividades de materiais de construção e veículos), a variação mensal foi negativa de 3,7% e de 1,5% no ano. O superintendente do Instituto de Pesquisa e Análise da Fecomércio-MT, Igor Cunha, explica que, apesar dos índices negativos, o auxílio emergencial ajudou a frear uma queda maior do varejo, tanto no país como em Mato Grosso.

“No comércio mato-grossense a variação mensal do volume de vendas foi negativo de 4,8%, no entanto, a variação interanual foi de 3,8% em dezembro e fechou o ano com um aumento de 4%. Já no comércio varejista ampliado se repetem os mesmos comportamentos, um decréscimo de 2,9% no índice mensal e um aumento de 0,9% no acumulado do ano”, informa o gestor.

As atividades do comércio que tiveram maior variação negativa no ano foram: livros, jornais, revistas e papelaria (-30,6%), seguido de tecidos, vestuário e calçados (-22,7%); equipamentos e materiais para escritório (-16,2%); veículos, motocicletas, partes e peças (-13,7%); e combustíveis e lubrificantes -(9,7%).

Segundo Igor Cunha, as variações positivas ficaram por conta dos segmentos de materiais de construção (10,8%), móveis e eletrodomésticos (10,6%); além de artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (8,3%); hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (4,8%); e outros artigos de uso pessoal e doméstico (2,5%).

A Fecomércio-MT disponibiliza os dados por atividade econômica do comércio, que podem ser acessados pelo site do IPF-MT: https://www.ipfmt.com.br/indicadores