Em novo decreto, Várzea Grande não restringe horário de atendimento do comércio essencial

Data: 26/06/2020 Em novo decreto, Várzea Grande não restringe horário de atendimento do comércio essencial

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos editou um novo decreto n° 43, nesta sexta-feira (26), onde determina que o comércio considerado essencial, segundo o decreto federal nº 10.282 – “não terão restrição de horário de funcionamento das atividades, em obediência a decisão proferida nos autos do processo 101503766.2020.8.11.0002, em tramite na 1ª Vara Especializada da Fazenda Pública da Comarca de Várzea”.

O documento determina o fechamento de shopping centers, bares, feiras, academias, shows, cinemas, teatros, casas noturnas, salões de beleza, barbearia e clínicas de procedimentos relativos à estética, festas e confraternizações familiares e congêneres, ainda que realizadas em âmbito domiciliar, evitando, assim, a aglomeração de pessoas, pelo prazo de 15 (quinze) dias.

Desde quarta-feira (24), o município cumpre a ordem judicial emitida pelo juiz da Vara Especializada da Saúde Pública de Mato Grosso, José Leite Lindote.

A medida deve vigorar até 10 de julho, como forma de evitar a disseminação do coronavírus.